[Solucionado] debconf: DbDriver “config”: /var/cache/debconf/config.dat is locked by another process: Resource temporarily unavailable

Esta é uma dica rápida de correção para um problema relativamente comum em sistemas baseado na distribuição Debian, como Ubuntu, Mint entre outros e que de vez em quando acaba bloqueando o cache do debconf impedindo a atualização do sistema.

Este problema costuma ser notado quando você tenta atualizar o sistema com o apt-get, aptitude, apt ou outra ferramenta. A captura de tela abaixo mostra um exemplo deste erro quando tentei atualizar um de meus sistemas.

Arquivo config.dat bloqueado, impede a atualização de sistemas baseados em Debian

Algumas vezes um simples reboot resolve, mas se este for um sistema crítico esta não deve sera primeira opção a se escolher, então o que faremos é descobrir e matar o processo que está usando o arquivo.

A primeira coisa a fazer é descobrir qual é o processo que está bloqueando o arquivo, com o comando “fuser”.

$ sudo fuser -v /var/cache/debconf/config.dat
Não foi possível analisar o arquivo /proc/509068/fd/1023: Permissão negada
USUÁRIO PID ACESSO COMANDO
/var/cache/debconf/config.dat:
root 6644 F…. frontend

Observe neste caso que o arquivo está em uso pelo processo com PID 6644, então agora que já sabemos o culpado é só matá-lo com o comando “kill”.

$ sudo kill 6644
$ sudo kill 6644
kill: (6644): Processo inexistente

Usar uma vez só já bastaria, mas propositalmente eu usei o comando kill duas vezes para confirmar que o processo já havia sido purgado.

Matando o processo que bloqueia o config.dat

Se quiser fazer tudo com um único comando você pode usar o argumento “–kill” do fuser que é especifico para casos como este. Bastaria então adicionar um “–kill” ou “-k” como segue:

$ sudo fuser -k -v /var/cache/debconf/config.dat

Com isso feito, o arquivo não está mais bloqueado e você poderá seguir com seu apt-get/apt/aptitude upgrade que o processo de atualização deverá ser iniciado e concluído com exito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.