Atualizando a lista de discos disponíveis no sistema

Imagem de um disco rígidoEsta semana eu precisei adicionar novos discos em um servidor hotplug. Aqueles que você conecta o disco com todo o sistema rodando e… bem…  ele deveria reconhecer o disco de imediato, configurar ativar e pronto. Mas na prática não é bem assim que acontece. Embora seja um procedimento simples.

Usualmente, quando tratamos de computadores domésticos, as pessoas conectam os discos com o computador desligado e ao ligá-los novamente, após a carga do sistema operacional, o disco está lá pronto para aqueles passos preparatórios (particionamento, formatação etc).

Aspirantes ao cargo de gerente de sistemas que estão de cara para um servidor hotplug, ou até mesmo servidores virtualizados, podem não saber mas uma das vantagens destes sistemas é que não é preciso desligar o servidor/máquina virtual para que o sistema operacional reconheça o novo dispositivo.

Para que o Linux reconheça um novo disco já conectado a sua baia, no caso de um servidor físico com suporte a hotplug, ou no caso de máquinas virtuais, basta um simples comando ordenando um “scan” no barramento e mais nada.

Basicamente o comando [que deve ser executado como “root”, em qualquer distribuição linux com Kernel 2.6 ou superior] é:

echo “- – -” > /sys/class/scsi_host/host0/scan

Onde “host0” é o host a ser varrido. Caso você não saiba qual é o correspondente no seu servidor você pode tentar todos eles. Um ls naquela pasta pode ajudá-lo a saber quais são as opções.

ls /sys/class/scsi_host

Repita aquele primeiro comando uma vez para cada item encontrado aqui. com o ls, e espere alguns segundos. Após isso os dispositivos “/dev/sd*” correspondentes serão criados e você poderá particionar e formatá-los normalmente usando suas ferramentas preferidas.

Sistemas como o Redhat possuem um complexo script para realizar este mesmo procedimento, chamado rescan-scsi-bus.sh. Mas, basicamente, o que ele faz é exatamente chamar aquele comandinho lá em cima e nada mais.

3 ideias sobre “Atualizando a lista de discos disponíveis no sistema”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *